Ser feminista é preciso: Resistir, Lutar e Empoderar

maio 21, 2016


"E lá vem mais mais uma mulher
 que cansou de lavar louça, 
que levou um pé na bunda do namorado
 falar de feminismo". 

Esse não é meu caso, mas sim, vamos falar sobre feminismo. Sempre fui a ovelha negra da família nesse ponto, sempre fui crítica demais com os homens, chata, preferia estudar e ser livre nos meus fins de semana pra ficar em casa vendo séries, do que ir para o salão e a noite sair com as "migas". Troquei as panelinhas e as barbies quando criança por uma carreta cheia de boizinhos e cavalinhos, gostava de desenhos de super-heróis e não de princesas, dispensei o rosa e amo o azul assumidamente. Troquei minha festa de quinze anos por um computador e uma reforma no quarto mais um pouco de grana pra poder morar sozinha e fazer faculdade. Tudo isso sempre foi motivos pra muitas críticas: 

"Essa menina precisa de limites" 
"Essa menina vai dar trabalho" 
"Essa menina é sapatão"
"Desse jeito homem nenhum vai te querer"

Eu cresci, me tornei uma mulher realizada profissionalmente, minha auto-estima está legal (de vez em quando eu choro feito um bebe, brigo com o espelho, mas, só), não tenho pelos no "suvaco", não sou obesa, não sou negra, não sou petista, frequento a igreja, aparentemente tenho todas as qualidades que os machistas de plantão procuram em uma mulher (acreditem, ser negra pra muito homem é defeito). Tendo tudo isso em mãos, por que eu me posiciono ao lado do feminismo? A resposta é bem óbvia: SORORIDADE. Que sentido minha vida teria se eu escolhesse o lado opressor ? O que eu ganho defendendo um homem e oprimindo uma mulher ? Sinceramente, é difícil entender os motivos que levam uma mulher odiar o feminismo, não entra na minha cabeça. Mas, enfim, tire algumas dúvidas sobre o movimento.

O feminismo é o mesmo que machismo ?
- Não, o feminismo é a luta das mulheres contra o sistema patriarcal enraizado na sociedade, contra a opressão e desigualdade. O feminismo busca a liberdade da mulher em suas escolhas e direitos negados por puro machismo.  
O contrário de machismo é o F E M I S M O , este sim pode ser considerado.Explicar o feminismo é uma tarefa cansativa, você mostra a importância, quebra tabus, cria debates inteligentes e os "antis" só conseguem dizer uma coisa: Feminista só quer mostrar o peito na rua. 
Feministas odeiam os homens e querem destruir as famílias 
- Claro que não. Você não precisa odiar ninguém pra ser feminista, você pode casar, ter seus filhos, sua família, a escolha é sua. O que você precisa e deve entender é que: Mulher não precisa de um homem pra dizer o que deve ou não fazer, vestir, comer, usar. Esse discurso é muito usado por eles para invalidar o movimento, dizendo que as feministas vão espalhar o ódio fazendo com que as mulheres desistam de se casar e formar uma família. Isso é MENTIRA. O feminismo não prega ÓDIO a ninguém, nem mesmo pelas igrejas, a luta é por respeito, igualdade, segurança e direitos. 
O ódio e repulsa patológica ao sexo masculino é chamado de M I S A N D R I A, não feminismo. 
Feministas são feias, gordas e não se depilam. Elas tem inveja de quem é bonita 
- Não, isso também é mentira. O feminismo luta pela sua liberdade de escolha, quer depilar ? ok. Não quer ? Ok também, a decisão é sua. Outra coisa, beleza é relativa, o que as revistas mostram são "padrões" muitas vezes inalcançáveis por muitas mulheres que, nessa maldita busca entram em depressão, ficam anoréxicas, começam a odiar o corpo, perdem a auto-estima, você acha isso justo ? Você deve ter visto a polêmica: Bela, recatada e do Lar. Não tem problema ser assim, o problema é acreditar que esse é o padrão certo, o único, o modelo perfeito de mulher. Todas nós somos únicas, perfeitas e certas para nós mesmas, se olhar no espelho e amar quem está lá dentro é a maior rebeldia que podemos cometer hoje em dia. Amor próprio é a maior arma contra qualquer tipo de preconceito. 


 Feministas são preguiçosas e não gostam de fazer serviço doméstico
- Sério mesmo ?! Outra mentira espalhada pra enfraquecer a causa. Fazer tarefas doméstica não é exclusividade feminina não, na verdade é tarefa de quem tem dois braços, duas pernas e capacidades físicas para tal, a não ser que você tenha grana suficiente para pagar alguém pra fazer todos os afazeres. Sabia que existe homens que não servem a própria comida, que esperam a esposa cozinhar e colocar no prato pro bonitão comer ? E que depois de comer ele não tira nem o prato da mesa ? Pois é. Existe. Mulher lava, passa, cozinha, serve, tira o prato, faz compras, cuida dos filhos, trabalha fora, e não pode pedir ajuda porque se não é chamada de preguiçosa. 

Por que vocês não lutam pra ser obrigatório o alistamento feminino no exército ou carregar um saco de cimento ?
- Migos, a ideia aqui e exatamente essa, de não ser obrigada a nada. Além disso, não entendo esses caras, acham tão ruim se alistar no exercito mas ficam chupando o saco do Bolsonaro e pedindo a volta da ditadura, que louco, além de machista não tem cérebro. E outra, carregar cimento não é um direito que precisa ser alcançado, já existe mulheres que fazem isso a muito tempo, a diferença é que elas usam uma coisa chamada carrinho-de-mão, aquele que tem uma rodinha na frente, você coloca  o saco em cima e empurra, sem contar no acabamento, já viu o reboco feito por uma mulher ? Eu já, fica perfeito. Não sei o que é mais ridículo, esse argumento ou a pessoa que usa.

Anda mostrando o rabo, depois reclama de assédio
- Você já deve ter escutado isso, até mesmo de outras meninas. Pois bem, essa frase é típica daqueles caras que ficam amontoados em rodinhas na porta de um bar ou na frente das escolas ai quando passa uma adolescente de shorts curtos eles começam a fazer comentários nojentos, mas se ela não dar moral já começam a chama-la de puta, vagabunda, safada e blá blá. Cara, eu coloco um shorts porque tá calor, porque eu acho ele bonito, nem sempre é pra chamar atenção de macho, não quero escutar gemidos quando eu passar, não quero aqueles olhares que atravessam até minha alma, fiu fiu, nada disso, é constrangedor. É como se o simples fato de usar um shorts fosse um convite pra transar, pra ganhar uma passada de mão. Chega ser nojento. 

Feministas querem assassinar bebês, abre as pernas e não querem criar
- Bacana, interessante, compreensível, se a mulher fizesse um filho com o dedo né ? Tá vendo como funciona, a mulher engravida, o cara mete o pé e ela fica sozinha, sem apoio da família porque eu conheço muuuuuitos pais assim, sem emprego, não estuda, rala feito condenada pra criar a criança e ainda tem que escutar que é uma vagabunda, tem filho e nem sabe quem é o pai. Funciona como um castigo, ninguém tá nem ai em como essa criança vai ser criada, se ela vai comer, vestir, ter acesso a educação, o importante é punir a mãe: abriu as pernas, agora aguenta vagabunda. Eu vi um vídeo esses dias sobre o aborto, como ele acontecia. Foi, triste. Mas sabe o que corta mesmo o meu coração ? Visitar um lar de crianças e adolescentes, aquilo é uma desgraça, feio de ver. Já fiz muitas ações nesses abrigos, dói demais gente. Crianças que são abandonadas, que passam anos esperando a adoção (maioria negras, porque como eu disse antes muito gente acha que ser negro é defeito), adolescentes que tem sua primeira menstruação e não tem um absorvente pra usar, não sabem o que é um shampoo cara, coisa tão simples pra gente. Dia dos pais, mães, criança, Natal, sempre sozinhas, sem ter nem o que comer muitas vezes. É isso ai que corta o meu coração. Eu sou contra o aborto, em mim, não faria, mas, não posso julgar a escolha de outras mulheres, não cabe a mim decidir. A descriminalização do aborto não significa que você não poderá mais ter filhos, se você quer ser mãe, ok, monte um time de futebol, mas não interfira na decisão de outras mulheres.

Não aguento mais falar sobre feminismo, vocês não estão satisfeitas com nada.
- Que bom, se o feminismo está incomodando os homens é porque estamos no caminho certo. Afinal, deve ser bem chato você crescer achando que uma mulher está a sua disposição e de repente chega umas minas invocadas e manda você ir se foder. Deve ser bem ruim mesmo ver um monte de mulher cada dia mais empoderada, sem medo, indo pra luta, não abaixando a cabeça pra grosseria, denunciando o marido pra policia por um espancamento, sendo sua chefe, não aceitando mais uma cantada nojenta na rua. É, isso deve ser chato pra caralho. E outra, o feminismo não foi feito pra agradar homem nenhum.
Em 2014 o Brasil registrou 1 caso de estupro a cada 11 minutos e que 13 mulheres foram assinadas por dia no Brasil em 2015, a maioria negra, vitimas dos próprios parceiros (marido/namorado). Mas, para muitas pessoas isso é "mimimi"
Questionar a sociedade machista em que vivemos é um favor que fazemos a nós e as próximas mulheres que ainda nem nasceram. Não aceite o discurso "mimimi", "o mundo tá chato", "geração mais chata da história". Chega disso, chega de aceitar que a culpada por um estupro é a mulher que estava de shorts curto, que deu moral, chega de ensinar as mulheres a se proteger de um estuprador, precisamos ensinar os homens a não estuprar, a respeitar e a entender que mulher também é gente. Se você nunca foi abusada, se você nunca foi assediada por seu chefe, um parente, professor, se você não liga quando um homem passa a mão na sua bunda no meio da rua, ok, mas por favor, respeite a luta das outras que se importam. As pessoas não podem ser medidas com a mesma régua, se não te afeta, acredite, está afetando outras pessoas, e é por elas que devemos lutar. 

O feminismo não foi criado pra mostrar peito e bunda na rua, ele foi criado para que as mulheres fossem livres, inclusive para mostrar o peito e a bunda. Você pode até dizer que não precisa do feminismo, mas saiba que, se hoje você pode expor abertamente sua opinião, votar, dirigir, usar calças, se candidatar a algum cargo político, sair para trabalhar, é porque algumas dessas mulheres que você chama de chata, recalcada, mal comida, foram pra ruas, enfrentaram o machismo, apanharam, morreram, mas deixaram o caminho aberto para nós. Moça, acredite, poucos, mas, muito poucos homens vão abrir mão do poder que eles tem na sociedade para que você possa brilhar, não escolha o lado errado. E homens, feminismo não é falta de rola, afinal você carrega uma 24 horas por dia e continua com seus problemas e frustrações. 

#RespeiteAsMinas #FirmeForteFeminista #VaiTerFeminismoSim #MachistasNãoPassarão #JuntasSomosMaisFortes     #GirlPower     #EuPrecisoDoFeminismo      #MaisRespeitoMenosOdio 

Compartilhe esse post:

  1. Amei seu blog, super fofo! Vou ler sempre agora <3

    www.antesdaprimavera.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Lindona !
    Linda postagem temos que lutar um dia chegaremos lá.
    Tem postagem nova no meu blog, vem conferir !
    Meu Blog: ➥ Plantão da Beleza
    Meu Instagram➥@simarapink
    Meu Canal no Youtube: ➥ Vídeos do Canal
    .¸.•*¨*•►BeijosssssssssSimara Pink ♥♥♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Simara, fico feliz em te ver por aqui, se blog é lindo demais *--*

      Excluir
  3. Que post maravilhoso, que blog maravilhoso *-* Sempre estou por aqui hahaha. ♥
    | enjoythelittledreams.blogspot.com |

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado minha linda. Faz um tempinho que não vou no seu blog, desculpa =( Vou lá te visitar. Beijo.

      Excluir
  4. Adorei o post! Eu nunca entendi muito sobre isso e você esclareceu muitas coisas. Eu acho que algumas atitudes assim são ridículas e quem a fez não pensa! Mas eu prefiro me informar mais sobre o assunto antes de ter uma opinião formada se não eu posso falar besteira.
    Beijinhos
    https://umapessoatagarela.blogspot.com.br/?m=0

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu entendo o que você quis dizer Carol, mas saiba qe o caminho é esse, quanto menos sabemos sobre um assunto, mais facilmente seremos manipuladas. O feminismo incomoda as pessoas porque toca expõe atitudes ruins que muita gente tem, pensamentos que muita gente espalha e isso é chato pra eles. Mas enfim, informação nunca é demais. Beijo querida, te visitarei já já.

      Excluir
  5. Sempre que vejo uma mulher não apoiar o feminismo sem uma opinião justa para tal ato, sempre passa pela minha cabeça que ela realmente não entende sobre isso. Eu não sou a sabichona sobre o assunto, estou descobrindo aos pontos e posso falar que é um movimento maravilhoso com os motivos certos, porém muitas pessoas resolvem ver pelo um lado negativo inexistente.
    Os homens, principalmente, deviam se tocar que não queremos andar sem roupa pela rua, até porque já não conseguimos nem andar na rua direito sem ter um ser infeliz enchendo o saco, mas queremos direitos iguais e a famosa liberdade.
    Amei o post, o mundo devia ler.
    BEIJU!

    http://devaneiosbm.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mari, obrigado por vir aqui, ler o texto e comentar. Eu também não consigo entender essa repulsa das mulheres ao feminismo. Claro que o movimento não é perfeito, tem seus tropeços, erros, extremismos, mas, quem e o que não passa por isso ? Até mesmo as igrejas e religiões que em sua maioria pregam o amor cometem erros. Precisamos focar no que é necessário: Respeito, liberdade, igualdade, justiça e segurança. Juntas somos mais fortes <3

      Excluir
  6. olá! vindo conhecer! Gostei muito do post, tenho bastante coisas que temos uma certa semelhança. Adorei o post, a forma de escrever e concordo. entendi oque quis dizer. Muito bom!
    Me avise sobre novos posts ok? Irei dar uma olhada.
    bjs até mais!
    www.lilianmarques.com.br

    ResponderExcluir
  7. Obrigado Lilian pela visita. Pode deixar que aviso sim. Beijo.

    ResponderExcluir
  8. Acho incrível as pessoas rotularem ações feministas pelo puro desconhecimento da causa. Nós mulheres precisamos nos unir mais.
    Não está sendo fácil!

    Beijoo!!
    www.gavetafeminina.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, isso acontece demais. Antes e era assim, falava abobrinha porque só via nos jornais mulheres peladas ou quebrando alguma coisa. Mas hoje eu sei que o feminismo não é isso, basta procurar as ações sociais, ver o número de mulheres que hoje tem coragem de denunciar o marido agressor, o professor tarado, meninas que não alisam mais o cabelo por vergonha de ser crespa. Eles fazem de tudo pra destruir, mas não vão conseguir.

      Excluir
  9. Eu adorei o seu post, sério!
    Se eu te contar que ontem, na minha aula de Direito Civil II, meu professor fechou a aula dele falando sobre esse tema. E eu adorei porque infelizmente somos consideradas "minorias" pela sociedade machista, porém isso está mudando, porque como diz a música da Beyoncé; quem manda no mundo? Garotas!
    E estamos conquistando nosso espaço, com muito charme, inteligência, garra e perseverança.
    Eu acredito que terá um dia em que colocaremos toda a sociedade machistas no chinelo. haha
    Beijos. ♥

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem bom Lady, isso é maravilhoso. Fico muito feliz quando vejo esses debates indo para as universidades, nos grupos de estudos, na rodinha de amigos num fim de tarde. Infelizmente muita gente evita o assunto, meninas principalmente por medo de perder a atenção dos meninos. Mas, são escolhas.

      Excluir
  10. O que me deixa mais triste é quando uma mulher diz que não é a favor do feminismo, que não quer saber sobre o assunto ou que simplesmente não se interessa por isso. Mas é importante falar sobre o assunto e esclarecer alguns pontos. O que falta é o conhecimento sobre o tema. É preciso deixar claro que todas as mulheres precisam ser respeitadas e livres para fazerem suas próprias escolhas.
    Parabéns pelo ótimo post. Bjus!

    galerafashion.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mulheres machistas, isso existe e é triste demais saber. Acho que a única explicação, é medo, medo de perder a atenção do namorado, marido, ou sei lá, querer pagar de "fodona" "sou do contra", garanto que a única coisa que elas ganham é a atenção de um cara que no fim das contas sempre vai impor as vontades dele, que nunca vai abrir mão da posição patriarcal que ele tem para que ela possa se destacar. Tipo assim "eu quero você bem, mas nunca melhor do que eu, nem igual, mas, sempre abaixo"
      beijo.

      Excluir
  11. Nossa que texto lindo, eu também tenho uma historia parecida com a sua. Nunca aceitei que as pessoas falassem que isso era coisa de moleque e não de menina, cresci escutando e isso e hoje depois de 30 anos e a especie humana que se diz tão moderna, na verdade continua igual, homens ainda recebem mais pelo mesmo tipo de trabalho e infinidades de coisas..Eu só luto por um mundo igual homens e mulheres e sem preconceito de sexo..Adorei seu blog e os conteúdo e gostaria de deixar aqui um convite sobre uma plataforma de divulgação de conteúdos para bloggers muito interessante, ela é espanhola mas esta a três meses no Brasil e já são muitos os cadastrados. É uma nova forma de compartilhar nossos post com outras pessoas/Bloggers..Vale muito a pena..Aqui deixo o link..bjuss

    https://petitluxo.com/2016/04/26/como-cadastrar-em-feedhi/

    www.feedhi.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por comentar, é muito importante saber que existe pessoas com histórias parecidas e que elas também ajudam a desconstruir tantos preconceito e machismo. Juntas somos mais fortes. AH e pode deixar que te visitarei sim. Beijos

      Excluir
  12. Já tá mais do que na hora desses preconceitos contra o feminismo cairem por terra. Muito pertinente o seu post, gostei muito!

    http://naomemandeflores.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Camila, também acho que já está na hora. Falta de informação dificulta tudo. Beijo.

      Excluir
  13. ficou muito bom esse post! é importante cada vez mais mulheres apoiarem a causa, unidas somos bem mais fortes :)

    www.blogamorarosa.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem bom que você gostou. Obrigado por visitar. Beijo!

      Excluir
  14. Primeiro: seu blog é maravilhoso, amei SUPER o layout, arrasou!
    Segundo: que post hem. Caraca, me impressionei com tudo que escreveu e sim, te apoio. Sim, temos que nos unir e sim, temos que defender o nosso lado sim. Adorei que você tirou algumas dúvidas em relação a isso e parabéns por se posicionar, por contar uma parte "de você" para nós. Excelente post!

    Amore, tem post novo lá no blog, te convido a vir conferir! =)

    Beijos
    Amanda Z.
    www.diariodelooks.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Amanda. Nem acredito que você veio aqui. Sou tão fã do seu blog. Que a nossa luta continue sempre na direção do empoderamento e da liberdade.

      Excluir
  15. Eu sempre fui feminista sem saber, diferente de você eu amo princesas até hoje e usei rosa até meus 12 anos (aqui eu digo em tudo, até na calça jeans HAHAH), mas isso não me torna menos feminista. Tomo sempre cuidado para não cair no feminismo branco e tirar a voz das mulheres negras, afinal: eu sofro por ser mulher, mas jamais saberei o que é sofrer racismo. Enfim, esse post é de utilidade pública, meus parabéns pela iniciativa! Enfim, mana, é isso, feminismo é saber lidar com as diferenças, mas jamais abaixar a cabeça para um ato machista, por menos que seja.

    www.vestindoideias.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre <3 Unidas somos mais fortes. Queria que as mulheres entendessem que somos Mans, amigas e não inimigas. Mas enfim, firmes e fortes na luta sempre. Obrigado por comentar.

      Excluir
  16. ESSE FOI O MELHOR TEXTO SOBRE FEMINISMO QUE EU JÁ LI EM TODA MINHA VIDA.
    To cansada de tentar explicar para machistas que o pensamento deles está errado, geralmente eles preferem falar coisas da minha vida que nem sabem, eles falam que eu sou mimadinha, que sou sustentada pelos pais, que não tenho nenhuma responsabilidade, sendo que eles não sabem de nada. Os argumentos são sempre os mesmos:
    odeiam homens, são mal comidas, pq não carregam saco de cimento?, vai lavar uma louça...
    É tão desgastante ler isso, principalmente quando vem de mulheres...

    Vou colar esse texto na minha testa, eu AMEI!

    http://www.pinkisnotrose.com/

    ResponderExcluir
  17. É Carol, ser feminista é desgastante, significa renunciar, abrir mão de muita coisa e muita gente. Desconstruir o machismo não é fácil. Dói a alma ver tanta coisa errada. Mas vamos firme mana, a gente vai conseguir. Obrigado por ler o texto. <3

    ResponderExcluir