Resenha: The Kiss of Deception - Crônicas de amor e ódio

janeiro 29, 2017

Tudo parecia perfeito, um verdadeiro conto de fadas menos para a protagonista dessa história. Morrighan é um reino imerso em tradições, histórias e deveres, e a Primeira Filha da Casa Real, uma garota de 17 anos chamada Lia.  Ela se encontrará perante traições e segredos que vão desvendar um novo mundo ao seu redor. O romance de Mary E. Pearson evoca culturas do nosso mundo e as transpõe para a história de forma magnífica. Através de uma escrita apaixonante e uma convincente narrativa, o primeiro volume das Crônicas de Amor e Ódio é capaz de mudar a nossa concepção entre o bem e o mal e nos fazer repensar todos os estereótipos aos quais estamos condicionados. É um livro sobre a importância da auto-descoberta, do amor, e como ele pode nos enganar. Às vezes, nossas mais belas lembranças são histórias distorcidas pelo tempo.
Ano: 2016 - Gênero: Romance/Aventura - Editora: Darkside

Confesso que me apaixonei por esse livro desde que botei meus olhos nele. A capa me deixou totalmente intrigada e eu sabia que precisava ter ele na minha estante. Logo tratei de compra-lo, e acreditem, eu não li nenhuma resenha antes disso. Não quis criar teorias, preferi tirar minhas próprias conclusões. Queria que meu primeiro contato com as 406 páginas fossem totalmente surpresa pra mim. E foi.
      Tentei o tempo todo fazer a leitura com as expectativas no neutro, mas era quase impossível.  A cada página finalizada meu olhos tremiam e minha mão coçava pra iniciar a próxima. Fazia muito tempo que uma história não me prendia assim. Como já dito na pequena sinopse acima, a personagem principal é uma princesa, "ah que saco, uma princesa em apuros, blá blá blá". Sim, ela está metida em uma encrenca das grandes, mas a autora não a transformou em uma mocinha fraca esperando a ajuda do príncipe. Na verdade, Lia se mostrou alguém extremamente forte, uma guerreira destemida. Ao longo do livro é possível perceber o amadurecimento da personagem, o que me atraiu muito. Ela é impulsiva e cheia de sonhos, mas ao mesmo tempo consciente do peso que carrega em ser uma princesa marcada por séculos de tradições.
             Lia é descendente de uma linhagem de "Primeiras Filhas", algo que remete a magia no universo do livro. Porém esse detalhe é usado como manobra política em praticamente toda a história. Ela tenta fugir de suas obrigações como princesa e acaba perdida em uma avalanche de incertezas e perigos eminentes que podem acabar com a sua vida e de todo o reino de Morighan, de onde ela descende. Nessa aventura sem plano definido ela conta com a companhia de sua melhor amiga, Pauline, uma jovem igualmente forte e corajosa que se arrisca em nome da amizade. Juntas elas descobrem outros mundos fora dos limites de Morighan e começam uma vida simples e sem regalias reais. No entanto a calmaria é ameaçada com a chegada de dois jovens que a todo custo tentam se aproximar de Lia. Um deles é um Assassino contratado por Venda, o lar dos bárbaros, para mata-la, outro é o Príncipe que ela abandonou nas véspera do casamento.  Tudo isso se desenrola de forma intrigante e apaixonante. O livro é extremamente detalhista fazendo com que você se sinta realmente dentro da história. A maior parte das aventuras é narrada por Lia, no entanto a autora utiliza outros personagens para conduzir a história, como o príncipe e o assassino.
"Eu virei a cabeça e ouvi o inconfundível som das pancadas de cascos no chão, pesados e metódicos. Levei a mão até a lateral do corpo, mas minha faca não estava mais lá. Eu havia deixado pendurada na trombeta da minha sela quando tirei a blusa. Só tive tempo de me arrastar e  me por de pé quando um imenso cavalo surgiu, com Rafe sentado em cima dele. O diabo havia chegado. E uma estranha parte de mim estava feliz com aquilo." 
            Os dois rapazes ganham nomes em pouco tempo após aparecerem na vida de Lia. Um é Rafe e o outro se chama Kaden. Eles são misteriosos, mas dispõe de algo em comum: ambos se interessam pela princesa. O trio se envolve fortemente e vários momentos engraçados, românticos,  perigosos e intrigantes acontecem. A autora conseguiu de uma forma sensacional criar uma teia que te prende totalmente em um mistério sobre a identidade dos rapazes, te fazendo a todo tempo questionar quem é o príncipe e quem é o assassino. A cabeça literalmente dá um nó. É como se o leitor fosse a princesa que fica perdida entre os dois. Meu coração palpitava e uma agonia tomava conta de mim a cada página lida. Me sentia desesperada para saber quem era de verdade Rafe e Kaden, o que aqueles dois planejavam realmente. Tudo fica ainda mais angustiante quando Lia começa a se apaixonar por ambos, claro que apesar da dúvida um deles é seu verdadeiro amor. Mas será que devemos confiar nele ? Será que ela deve confiar nesse homem que do nada apareceu em sua vida ? Ah meu Deus. Que sensação horrivelmente boa eu senti lendo esse livro. 

            Tudo isso dura até quase o fim do livro, é ai então que acontece a grande surpresa. As identidades são reveladas e tudo fica muito estranho - precisei voltar alguns capítulos e ler novamente para ter certeza de que não tinha deixado algo passar despercebido -, o destino dos personagens parece já estar traçado, mas será que é isso mesmo ou estamos sendo mais uma vez enganados ? O livro acaba e te deixa com um vazio que só será preenchido com a leitura do próximo volume. Sério, isso não é brincadeira. Só posso dizer que, esse é um dos livros mais apaixonantes que já li. Passou longe dos romances açucarados e cheios de clichês. Vale muito apena ler.

Classificação: ★ ★ ★ ★ ★ ( Excelente, recomendo com certeza)

           O segundo volume já está disponível aqui no Brasil e também foi publicado pela Darkside, que sinceramente arrasou. O livro inteiro está impecável. Eu comprei o kit com os dois primeiros volumes, The Kiss of Deception e The Heart of Betrayal, no Submarino e junto com os livros veio uma bolsa de tecido bem linda na cor creme com alças marrons. Os dois contam com marcadores de páginas em fita cetim e um de papel, além do mapa que mostra todo o continente onde a história se passa. Dá pra ver os limites de cada reino entre outros detalhes. Ah, e esse mesmo mapa está desenhado na capa do livro na parte interna. Como eu disse, é impecável.

Conheça todos os volumes da trilogia "As crônicas de amor e ódio"
Os dois primeiros podem ser encontrados aqui no Brasil, porém o ultimo ainda não foi lançado. Triste isso. Mas a Darkside já anunciou pelo twitter que The Beauty of Darkness sai ainda esse ano, muito provavelmente antes de junho. Seria meu sonho ? Acho que sim. Espero que tenham gostado da resenha. E por favor, quem já leu o primeiro livro comenta aqui, eu preciso muito discutir essa história com alguém.

Compartilhe esse post:

  1. Adoreii a dica e parece ser muito bom!!
    As fotos ficaram lindas.

    Beijinhos,
    *Blog Resenhas da Pam*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahh Pamela, obrigada. Que bom que você gostou. Tente ler pelo menos o primeiro, tenho certeza de que você vai amar. Beijinho.

      Excluir
  2. Adorei a dica, parece ser muito bom. Mas to escrevendo pra falar uma coisa: Que lacre é esse da foto da descrição de quem escreve, menina???? Muito maravilhosa mesmo né??? Rainha lacradora, continua assim que a gente gosta de sofrer! HAHAHAHAHA.
    Obrigada pela visitinha no meu blog, eu adorei tua presença <3
    E eu já anotei o nome do livro, parece ser bem interessante e eu nunca li livro com essa temática, eu costumo sempre ler só romances épicos e to querendo dar uma variada.
    Beijos mil <3

    https://poetizou.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pri sua linda, fico tão feliz quando você vem ler meus post. Espero que você leia esse livro, ele é muito lindo. Sei que você tem uma pegada mais clássica, mas acredite, esse livro lembra os romance de Jane Austen. Obrigado de novo por estar aqui <3

      Excluir
  3. Oi
    eu quero ler o livro, já tenho ele e o primeiro, mas ainda não tive tempo de ler ele, gostei da avaliação e que bom que gostou dele.

    momentocrivelli.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. A diagramação do livro é muito bonita e a capa também (qual da Darkside não é né haha)
    A história parece ser bem interessante e me prendeu, espero ter a oportunidade de ler ele algum dia.

    Abraços õ/
    https://livrosamoremais.blogspot.com.br

    ResponderExcluir